Logo do Big Dia da Música

DDM2016 promove mais de 300 shows em mais de 30 cidades em todo Brasil

Acabou a espera! Acontece neste sábado (18) a segunda edição do Dia da Música, festival que reúne o que há de melhor na música autoral independente em todo o país. Maior e mais abrangente, esta segunda edição terá, durante todo o sábado, mais de 300 shows gratuitos em 90 palcos espalhados por 36 cidades no Brasil, passando por diversos estilos, como rock, pop, metal, samba, chorinho, MPB e rap, entre outros.

São Paulo é o estado com maior concentração de shows. Só na capital serão 90 apresentações em 30 palcos diferentes montados em praças, ruas, clubes, bares, centro culturais e até hostel. O principal palco da cidade será montado no Largo da Batata e teve a programação selecionada pelo Conselho Curador. Passam por lá, entre as 13h e as 22h, as atrações Caixa Cubo Trio, Toinho Melodia, Alessandra Leão e Caçapa, Cuscobayo, As Bahias e a Cozinha Mineira, Thiago Elniño, Dada Yute e Lucas Santtana.

Outro circuito importante se formou no Rio de Janeiro, que tem, apenas na capital, 11 palcos com mais de 40 atrações confirmadas. Lá o palco do Conselho Curador está montado na Praça Luis de Camões, na Glória. Também a partir das 13h, o público poderá conferir apresentações de Itibere Zwarg e Grupo, Ventre, Duda Brack, Bilhão, Mahmundi, Antonio Guerra, Opanijé e Maracutaia.

Saindo da ponte aérea Rio-SP, o Dia da Música alcança todas as outras regiões do país com uma programação variada, para todos os públicos. Com shows do início da tarde até a madrugada, o festival conta com 12 palcos na região Sul, 11 no Nordeste, oito em Minas Gerais, três em Brasília dois na região Norte e um em Vitória.

Toda a programação com endereços, horários e detalhes sobre as atrações pode ser conferida pelo site ou pelo aplicativo. O app DDM2016 pode ser na App Store, para iPhone, e no Google Play Store, para Android.

Inspirado pela Fête de la Musique, que surgiu na França há mais de três décadas e está presente em mais de 700 cidades em todo o mundo, o Dia da Música estimula o circuito de música independente no Brasil. Com a proposta de mapear e fortalecer o circuito de música autoral, o festival possibilitou a inscrição de palcos de todo o país. Todos tiveram sua programação submetida à chamada de apoio do festival. Foram distribuídos R$ 200 mil em incentivo, divididos entre mais de 70 palcos.

O Dia da Música tem patrocínio máster da Vivo por meio da plataforma Vivo Transforma, que promove a democratização do acesso à cultural e da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, via Lei Estadual de Incentivo à Cultura; patrocínio Trident, Halls e Lacta 5Star, e realização PROAC, ICMS, Bits Productions e Governo do Estado de São Paulo.

×

Baixe o aplicativo do DDM

Com o aplicativo do evento fica mais fácil de acompanhar os shows próximos a você.

Dúvidas/FAQ